O site do cara mais desocupado do mundo!

FAQ

“Rulez” é seu sobrenome?

Esta é uma dúvida muito comum e a resposta é não. Meu sobrenome é França Ferreira. Rulez (se pronuncia “rúles”) é a maneira internética de se escrever a conjugação Simple Present do verbo inglês “to rule”, que significa comandar ou governar. Portanto, “Chico Rulez” quer dizer “O Chico comanda”, que tanto em português quanto em inglês é uma gíria para dizer que eu sou legal. E eu sou legal. Ou não né.

 

Por que o site se auto proclama “o site do cara mais desocupado do mundo” se você trabalha?

Boa pergunta. Apesar de hoje em dia eu fazer parte das “crássi trabaiadora”, eu de fato fui um à toa durante muito tempo. Mas a descrição do site não era uma referência ao fato de não fazer nada, mas sim à minha disponibilidade imediata a parar o que eu estava fazendo (na medida do possível) para fazer flagras inusitados na rua. E como eu sempre digo: ser à toa é um estado de espírito. E eu de certa forma continuo assim. Se (fora do horário comercial) alguém me avisar que algo bombástico aconteceu, a minha personalidade de jornalista (das 372 catalogadas pelo meu psiquiatra) irá tomar o controle e me obrigar a ir ao lugar. Vide posts como “Boxster batida na Bias Fortes” e os diversos sobre protótipos da Fiat.

 

O que você faz da vida?

Trabalho numa agência de publicidade em Belo Horizonte. Apesar de brincar que eu passo faxes, tiro xerox, faço cafezinhos e sirvo de árvore de Natal, o estágio já acabou há muito tempo e eu na verdade sou um dos gerentes de projetos.

 

Como surgiu a idéia de ter um blog?

Eu era imune à moda dos blogs quando eles estouraram e todo mundo tinha um, há uns 4 ou 5 anos. Até que um dia, meu amigo Paulo Henrique me chamou para ser co-autor do seu blog. Até então, era intitulado “Há tempos”, devido ao duvidoso gosto musical do Paulão. Quando definitivamente o blog deixou de ser uma extensão do ego do meu amigo e passou a ser um campo de críticas ao então candidato à presidência Lula, resolvemos rebatizá-lo com o nome de Ultradireitistas Reacionários Neoliberais Capitalistas Selvagens. Obviamente não era nossa orientação política – até mesmo porque é contraditório um ultradireitista ser neoliberal -, mas o nome atendia ao que queríamos: causava impacto e demonstrava claramente que éramos contra o Lula (na época). Uma curiosidade: nossas duas “peguetes” da época fizeram um blog antagônico só de pirraça, que se chamava “Ultraesquerdistas Reacionárias Leninistas Trotskistas Selvagens” (por mais estranho que possa soar). Em abril de 2003 eu e Paulão brigamos por uma bobagem, e eu resolvi fazer o meu próprio chicorulez.blogger.com.br. No entanto, a descrição era “Bobagens e críticas ao governo”. O mote “O site do cara mais desocupado do mundo” veio depois, provavelmente na forma de insight embalado por whisky.

 

Você anda com uma câmera sempre?

Sim, a do celular (Nokia E65 com 2MP). No entanto, antes da minha saudosa Sony DSC-V1 dar PT, eu de fato andava o tempo todo com ela no carro, pois sempre que eu estava sem ela alguma coisa extraordinária acontecia e eu ficava puto por não estar com ela.

 

Para que lado que Ipatinga tá?

Pro mesmo lado que Coronel Fabriceuanus. Otário.

 

Você alguma vez já pensou em acabar com o site?

Nunca. Apesar de às vezes ficar um tempo sem tempo ou mesmo com preguiça de atualizar, o site ainda é meu xodó.

 

Como surgiu a seção “Quem Fez Isso Limpa!”?

Um dia eu estava subindo a rua de trás e vi um Uno com um adesivo “4.1” de Opala. Obviamente resolvi fotografar e colocar no site, e tive a idéia de fazer uma seção só de carros com modificações de gosto duvidoso. Quando o site tinha repercussão apenas entre meus amigos, a seção se chamava “Bahia Rulez”, pelo fato de que em Minas é comum chamar esse tipo de modificação de “coisa de baiano”. Quando o site passou a ser conhecido em todo o país, resolvi mudar o nome. Apesar de ter sofrido ameaças de processos de racismo de alguns baianos sem senso de humor e nem conhecimento jurídico para saber que isso poderia ser chamado de preconceito mas nunca de racismo, não foi isto que me motivou a mudar o nome. Eu sou de opinião que rir de si mesmo é sempre saudável e os baianos tinham no mínimo obrigação de aceitar bem a piada – já que eu aceito e até brinco mais quando meus amigos paulistas ficam me chamando de mineirinho caipira, de que BH é roça, etc. No entanto, depois de ser convencido por um sujeito de que eu não precisava daquilo para ser engraçado, resolvi mudar o nome da seção, por enquete. A opção vencedora foi a atual.

 

Como surgiu a seção “A Caçada”?

Já havia recebido um e-mail com coisas que ninguém nunca viu, e depois de receber uma notícia do jornal O Globo que falava sobre um assassinato de um anão (e mencionava seu enterro), resolvi correr atrás dos outros itens da lista.

 

Por que seu ex-carro se chama “Grande ZN”?

Porque a placa é GZN. Na época, meus amigos brincavam que meu carro era coisa de ZN, o que é pejorativo aqui em BH – já que os melhores bairros ficam na Zona Sul. Pegou.

 

A Fiat te odeia? É verdade que você já foi ameaçado algumas vezes?

Mentira. Eles me adoram. Sempre fiz publicidade gratuita para eles. Se resolvesse cobrar o padrão da internet, eles estariam me devendo um bocado, já que o site tem em média mil visitas por dia. E quando eu conheci o pessoal no lançamento do Stilo, todo mundo ficou feliz em me ver. Ou eles gostam de mim ou são uns cínicos. Aposto na primeira. Como não gostar de mim?

 

Você já recebeu alguma ameaça devido ao site?

Já, umas 3 vezes que eu me lembre. Um baiano já quis me processar por racismo, um grupo comunista ameaçou me executar caso não tirasse o símbolo anti-comunismo ali de cima, e um tal de “Alemão” (que depois descobri ser um moleque de uns 15 anos) ameaçou me bater caso não retirasse o “Gay sim, e daí?” debaixo do nick dele no esquecido fórum. Nunca deu em nada.

 

Você que fez tudo no site?

Quem sou eu. Ainda não entendo de PHP e MySQL, então peguei um sistema pronto e gratuito na internet, e usei meus conhecimentos em HTML (que vem desde 97, quando tive minha primeira “Homepage do Chiquinho” na GCSnet) para customizar de acordo com o visual de antes (que era uma mudança de cores num dos templates prontos do Blogger).